domingo, 1 de agosto de 2010

I warned.



Não tenho motivos pra sorrir.
Não mais!
Nem motivos pra viver
Embora ame a vida,respirar,sonhar...
Talvez fosse melhor morrer!
Ninguém se importa de fato
Com o que sinto
Sou apenas mais uma no mundo
que chora todas as noites.


Sinto-me abandonada
Por ele...pela esperança...
pelos meus sonhos.
Meu coração doí,sangra
Minha alma esta perdendo sua luz
Até mesmo ele que me conduz
Ou melhor conduzia nos dias de dor
Desapareceu!
Certamente me esqueceu.


O amor?
Este só tem me trazido dor...
Dor...Feridas!
Acho até que estou ficando frígida.
Não sei mais abraçar meus amigos...
Nem meus pais.
Estou aderindo a solidão
Esta que achei ser passageira
Esta se tornando parte integral de mim


Minha vida esta negra 
Tão negra quanto a noite sem luar
Tão triste como a morte
E eu estou fria como uma pedra de gelo.


Imploro aos ventos...Sussurro baixinho
Leve-me daqui
Leve- me pra longe
Leve-me...
Embora saiba que no fundo
não há nada que  eles possam fazer
Mas meu desespero leva-me a isto.


Ninguém pode me ajudar...nem quer
Quem se importa com algumas lágrimas ?
Com um coração esmigalhado ?
Uma alma sombria ?
Quem se importa com o sofrer de 
apenas mais uma mulher ?


Esta doendo...
Esta doendo
Esta doendo tanto!!
Não sei quanto tempo aguentarei
Não demora...
Se eu morrer amanhã
Não chore
Não chore
Eu avisei...eu avisei.


                                        Autora : Mari Cavalcanti  30/07/2010

9 comentários:

Vaunei Guimarães disse...

bem legal gostei mtu...achu q vc tbm faz parte dos decadentistas dessa geraçao...hauahua

http://vauneiguimaraes.blogspot.com/

Rodrigo disse...

To curtindo seu blog, seus poemas sao fortes, continue escrevendo.
Valeu por visitar o meu, mesmo que seja de assuntos diversos é legal essa troca de conhecimentos.

De tudo disse...

Emotivo... toca na alma, lindo seu blog!!
estou seguindo

Lucas disse...

lindo como sempre.!!!!!
foi tão dramático

Ramos disse...

Sempre temos motivos para sorrir, por mais fodida que esteja nossa vida... agente só tem que achar eles =D


Bjaum!



www.suportedamente.blogspot.com

Mari Cavalcanti. disse...

Obrigada a todos !

Oliver disse...

Que profundo isso... já tive esses pensamentos por tanto tempo... mas o importante é tentar novamente. Parabéns pelo poema.

Danielle Araújo disse...

Intenso.

E ah não pude deixar de notar a fotografia ao lado, muito boa.

te seguindo.;)

Cacau disse...

Oi Mari, queria agradecer por seguir o Insanidades e também queria te parabenizar por seus textos.
;**